Sábado, 20.12.08

Hoja fui á feira, aqui do  burgo, comprar roupa contrafeita. Uma cigana esbelta e trigueira tentou-me vender umas " marmudas" de boa marca!

Apeteteceu-me responder: - Mamuda es tu.

Mas optei por ficar calado. A gaja era boa, mas aposto que os irmãos são violentos!



publicado por turista às 15:45 | link do post | comentar

Terça-feira, 16.12.08

Hoje a miúda mais linda da escola veio sentar-se toda sorridente à minha mesa.

Ia caindo da cadeira: - Andas mesmo um galã. Pensei.

Ela convida-me para ir a casa dela, já não cabia em mim de excitação. Mas para meu desgosto ela só me queria, porque tinha o Pc infectado e alguém me indicou como o Nerd de turno mais apto para resolver o problema.

Aquilo era fácil e resolvia-se com um simples restauro do sistema, mas para a impressionar instalei montanhas de software enquanto lhe galava as pernas.

Quando por fim ,o computador funcionou como novo ela saltou de alegria e beijou-me, na cara. Acho que não lavo as fuças durante uma semana!

 



publicado por turista às 20:10 | link do post | comentar

Segunda-feira, 15.12.08

Porra. A Empregada do Cyber-café aqui do bairro pôe-me louco. A gaja é toda  torta, mas tem as coisas erradas no sitio certo!

Chamar Cyber Café aquilo é muita boa vontade. Um Pc fanhoso cheio de vírus e spyware, mas vale a pena só para ver a madame! Coisas de Nerd!



publicado por turista às 16:29 | link do post | comentar

Domingo, 14.12.08

Comprei mais memória para o meu Pc principal. Vinha para casa todo excitado para a instalar e poder finalmente jogar, Grand Theft Auto à velocidade da luz.

Entro no elevador, juntamente com a vizinha do 5º andar que vinha carregada de compras, educado como sou ofereci-me para lhe levar os sacos a casa.

Uma vez lá, ela diz-me: - Estás excitado, dá para notar?

Eu respondo: Sim tenho uma coisa nova para o computador e estou morto por instalá-la.

Ela diz-me atrevida:- Se quiseres posso tirar esse tesão!

Confesso que fiquei envergonhado, mas com vontade de esquecer o Pc e comer a vizinha, que era uma mulher já madura mas muito desejável.

Estive quase a aceitar. Mas depois pensei no bom do marido dela. Que tantas vezes me ajudou com os trabalhos da escola e não consegui encorná-lo.

Arranjei uma desculpa idiota e fugi literalmente de casa dela

 



publicado por turista às 15:38 | link do post | comentar

posts recentes

Apenas mais um post incon...

Sexo, virus e malware.

A empregada do Cyber

O elevador

arquivos

Setembro 2010

Abril 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

mais sobre mim
links
subscrever feeds